sexta-feira, 29 de maio de 2009

CASA-MEMÓRIA LOPES-GRAÇA - APRESENTAÇÃO

«A Casa Memória Lopes-Graça, enquanto instituição autárquica, tem como primeiro objectivo potenciar a ligação e divulgação da figura do compositor e intelectual português Fernando Lopes-Graça a Tomar. Tal objectivo fomenta, à partida, uma dupla vocação: Para a universalidade (música) e para a localidade (Tomar).
Para a cidade de Tomar, a Casa Memória Lopes-Graça vai assumir-se como um complemento dos núcleos museológicos de arte e cultura contemporâneos já existentes, contribuindo para a afirmação e divulgação de Tomar, enquanto referência artística da contemporaneidade.
Junto da população visa-se um trabalho pedagógico na divulgação da obra do compositor, com especial atenção às camadas mais jovens, trabalhando em rede com Escolas Vocacionais e Genéricas, assim como com Associações e Colectividades.
A actividade regular da Casa Memória Lopes-Graça deverá ainda constituir uma mais-valia para a crescente valoração e conhecimento da cidade de Tomar, através da afirmação e importância da cidade enquanto referência e terra natal do compositor no imaginário nacional.
No contexto da música, a Casa Memória Lopes-Graça deverá assumir-se como centro de divulgação da história da música local e nacional, assumindo uma vertente de informação, animação e divulgação musical para os variados públicos-alvo, desenvolvendo transversalidades com o turismo, a cultura e a educação, no âmbito das opções e projectos políticos da Autarquia.
A Casa-Memória encontra-se aberta às Quartas, Quintas e Sextas-Feiras, de manhã e de tarde e nela qualquer pessoa pode adquirir publicações da autarquia, ler livros, consultar documentação e ouvir música.
Este blog tem como missão realizar a ligação entre todos aqueles, melómanos, musicólogos, músicos, tomarenses e outros cidadãos, que de alguma forma queiram contribuir para os objectivos da Casa-Memória Lopes-Graça.
A Casa Memória Lopes-Graça, casa natal do compositor doada à autarquia pelo seu último proprietário, Senhor Rui Manuel Dias Costa, tem como Coordenador Cientifico António Luís Linhares Corvelo de Sousa, Director Artístico do Coro Canto-Firme e autor da dissertação de mestrado apresentada na Universidade Nova de Lisboa – Tomar na Vida e Obra de Fernando Lopes-Graça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário